Mãe que tentou matar a própria filha envenenada é agredida no presídio




Daniela Albertina Santos, de 19 anos, que foi presa no último domingo (02), em Eunápolis, acusada de ter tentado matar a própria filha de apenas um ano e oito meses, envenenando a mesma com veneno e rato “Chumbinho“, foi espancada por colegas de cela no presídio de Teixeira de Freitas nesta quarta-feira (05), de acordo com o Via 41.

Foto: Reprodução TV Santa Cruz

Segundo as informações, os agentes penitenciários perceberam que Daniela estava sendo espancada e rapidamente conseguiram tira-la das garras das suas colegas de cela. Daniela sofreu alguns ferimentos e foi conduzida para o hospital de Teixeira de Freitas e logo em seguida foi submetida a um exame de corpo de delito.

De acordo com a polícia, Daniela foi autuada em flagrante por homicídio tentado, com pena prevista de 12 a 30 anos de prisão. A sua filha vai ficar aos cuidados do Conselho Tutelar, até posterior decisão da Justiça.


Otemponitcias/video tv santa cruz