» » Rai Alves estará no elenco da nova novela das nove

Rai Alves ao lado do Ator, Rodrigo Santoro, no hotel em Mossoró. (Foto: Divulgação)

O ator e diretor de teatro e cinema que mora na cidade de Itabela Bahia, "Rai Alves", está em Mossoró, no Rio Grande do Norte, onde participa das gravações das cenas iniciais de “Velho Chico”, próxima novela nova das nove da Rede Globo.

Atores como Rodrigo Santoro e Rodrigo Lombardi, além do elenco de coadjuvantes e técnicos, também estão hospedados no hotel em Mossoró, aguardando a chegada de grandes artistas como Fernanda Montenegro, Carol Castro e Antônio Fagundes, para dar início as gravações que acontecem numa fazenda.

Para o BAHIA DIA A DIA, Rai falou da alegria em poder participar da trama. “Estou feliz em poder fazer esse trabalho e ver alguns amigos que hoje são consagrados nacionalmente e internacionalmente. Isso é gratificante. Agradeço a todos que acreditam e respeitam o meu trabalho." Declarou Rai.

No Extremo Sul da Bahia, Rai Alves tem desenvolvido várias oficinas e tem participado de ações culturais em vários municípios, ajudando na formação de jovens atores. Formado em jornalismo, Rai Alves ajudou na fundação do siteBahia Dia a Dia, onde exerce a função de diretor de Jornalismo.

Com mais de trinta anos de carreira, Rai Alves já participou de vários filmes como "Faca de Dois Gumes"(Murilo Salles) "Jardim das Folhas Sagradas"(Pola Ribeiro") "The Guest"(John Philp Low)! Trampolim do Forte" (João Miguel) e "Cidade Baixa"(Sergio), além de várias minisséries na Rede Globo, Manchete e SBT.


Sobre a novela
"Velho Chico" contará a história de um amor impossível a beira do Rio São Francisco. (Foto: Divulgação)
"Velho Chico" contará a história de um amor impossível a beira do Rio São Francisco. (Foto: Divulgação)

Com texto de Benedito Ruy Barbosa e direção de Luiz Fernando Carvalho, Velho Chico, que está prevista para estrear em março, terá uma trama rural sobre o amor impossível entre membros de duas famílias rivais, que vivem às margens do rio São Francisco, na Bahia. A novela vai se passar no ano de 1968 e seguirá até os dias atuais, com um amor impossível entre a filha de um coronel e o filho de um capataz. O público acompanhará também muitos romances, disputas familiares, além de uma boa dose de questões políticas envolvendo a transposição do rio.

«
Nex
Postagem mais recente
»
Previous
Postagem mais antiga

Nenhum comentário:

Comentar Esta Notícia

Comentários com palavras de baixo Calão ou que ofenda a moral de alguêm não serão liberados.