Testes rápidos registram dois casos de HIV no carnaval de Porto Seguro



A Secretaria da Saúde do Estado (Sesab), divulgou nesta terça-feira (9), o boletim de testagem rápida para rápida para detecção de doenças sexualmente transmissíveis em postos nos circuitos do carnaval da Bahia. De acordo com a Sesab, no carnaval em Salvador, já foram registradas 79 pessoas contaminadas com sífilis, 14 com HIV e dois com hepatite.

Em porto Seguro, no stand montado na Passarela do Descobrimento, desde o último sábado (06), foram totalizados 243 atendimentos até o começo da manhã de segunda (08), e, por sua vez, já foram detectados dois casos de HIV e cinco de sífilis.

O procedimento de testes rápidos anti-HIV é muito parecido com o teste de glicemia, uma picada do dedo do paciente é obtida uma gota de sangue, que será disposta em uma pequena placa. Após 30 minutos, em média, o resultado aparece. Uma linha vermelha indica que o resultado é negativo, e se duas linhas surgem no mostrador, o resultado é positivo para a presença do vírus.

No stand, além dos testes, estão sendo desenvolvidas ações de prevenção das doenças DST/Aids, através da distribuição de preservativos e material educativo, orientações sobre prevenção e diagnóstico.

Os atendimentos de maior complexidade e que necessitam de uma assistência mais especializada para o folião, são encaminhados para o hospital.


Bahiadiaadia