Cadeirante acusado de pedofilia é assassinado a tiros



O crime aconteceu na noite da última quinta-feira, 8 de setembro, na cidade de Simões Filho, na Bahia. O cadeirante identificado como, Eduardo Silva Santos de 42 anos, foi morto em seu apartamento localizado no bairro Vida Nova.



A vítima era acusada de pedofilia, o crime foi descoberto depois que Eduardo perdeu o aparelho celular onde continha vídeos em que ele estuprava crianças e adolescentes.

As imagens se espalharam rapidamente nas redes sociais e causou revolta nos moradores da cidade. Nesta quinta-feira, homens armados invadiram a casa do cadeirante e um deles chegou a filmar o momento da morte de Eduardo.

Antes de ser atingido com um disparo na cabeça, o cadeirante pediu desculpas pelos crimes cometidos contra os menores. A Polícia Civil investiga o caso.

Por sulbaahianews

, ,