Formatura do PROERD contempla 71 alunos da Aldeia Velha



Um marco para o Programa Educacional de Resistência às Drogas (Proerd) em Porto Seguro aconteceu nesta terça-feira (6): a formatura da primeira turma indígena alcançada pela iniciativa.



Contemplada pela ampliação no alcance do projeto, a Escola Indígena Pataxó Aldeia Velha sediou as aulas ministradas por um policial militar durante três meses e a turma composta por 71 alunos recebeu o conteúdo com temáticas referentes ao combate às drogas e a violência.

Para o cacique Ângelo, essa aproximação da comunidade com a polícia fortalece a confiança das crianças para com a instituição. Além disso, aborda de forma eficaz um tema pertinente.


“Vimos aqui na aldeia o vínculo formado entre a PM e nossas crianças. Isso foi ótimo para a comunidade, pois os ensinamentos foram passados, compreendidos e guardados por cada um deles. Parabenizo a Polícia Militar pelo trabalho realizado”, afirmou.

Presente na solenidade, o comandante do 8º Batalhão de Polícia Militar, Major Anacleto França, destacou o sucesso do programa no município e saudou os estudantes.


“Fico muito feliz em presenciar momentos como este. O Proerd é uma ferramenta importante na conscientização de crianças e jovens no que se refere à cidadania, combate às drogas e repressão à violência. Em 2016 aumentamos o alcance e o que pretendemos para o próximo ano é que estes avanços continuem”.

Com danças e cantos da cultura pataxó, os índios deram as boas-vindas e agradeceram a presença dos policiais.

Também prestigiaram o evento pais dos alunos, representantes da Secretaria Municipal de Educação (Órgão parceiro da PM na realização do programa), FUNAI e imprensa.























































































Ascom 8º BPM/Porto Seguro