Fiscalização Ambiental completa 10 anos em Porto Seguro


A Fiscalização Ambiental da Prefeitura de Porto Seguro, que completou 10 anos de atividades no município, dia 30/07, conta hoje com uma equipe de 16 fiscais, dois carros, duas motos e uma lancha. De acordo com o coordenador Mackxuel Campeche, esse setor da Secretaria de Meio Ambiente recebe em média cinco denúncias por dia, nos mais variados aspectos, como poluição sonora e visual, desmatamentos, vazamentos de esgotos, pesca predatória ou em período de defeso, resgates ou apreensões de animais, caça, construções irregulares, extração irregular de minerais, entre outros.


Mackxuel lembra como no início das ações foi difícil assimilar a aplicação da lei, em descordo com o hábito popular. “Antigamente sofríamos com o som nos porta malas dos carros em cada bar da cidade, alguns próximos a hospitais, escolas e órgãos públicos; com o comércio de carnes e animais silvestres; com a cultura da criação de papagaios e aves silvestres em residências; com o comércio e a pesca predatória e/ou períodos de defeso”.

O coordenador salienta que o sucesso do trabalho da Fiscalização Ambiental ao longo desses 10 anos só é possível graças às parcerias com diversos órgãos como a CIPPA, 8º BPM, Ministério Público Estadual e Federal, Ibama, CETAS e outras secretarias municipais. “Muitas ações foram feitas em defesa do Meio Ambiente em nossa cidade, mas nosso desafio é diário, temos muito trabalho a realizar ainda, mas com essas importantes parcerias, iremos conseguir", enfatiza.

Secretaria Municipal de Meio Ambiente 
Ascom - Prefeitura de Porto Seguro

,