Dia Mundial contra o diabetes




Como parte das estratégias preventivas, o Dia Mundial de Combate ao Diabetes, celebrado nesta terça feira, 14/11, foi marcado por ações desenvolvidas pela Secretaria de Saúde Porto Seguro. O evento que faz parte do 4º Novembro Azul, aconteceu na unidade de saúde da Orla Norte, tendo o objetivo de reforçar o alerta por meio das atividades de promoção à saúde, sobre a doença crônica não transmissível que mais tem crescido no mundo. Entre 2006 e 2016, de acordo com o Ministério da Saúde, o número de pessoas no Brasil diagnosticadas com diabetes passou de 5,5% para 8,9%. As mulheres lideram o ranking: 9,9% da população feminina declarou possuir a doença contra 7,8% dos homens.


Atividades promovidas

Os homens que compareceram a unidade no começo da manhã, até o término do expediente, tiveram acesso aos atendimentos médicos e de enfermagem, participaram de palestras educativas com profissionais do NASF, nutricionistas, contaram com promoção de atividades físicas da academia de saúde, realizaram testes rápidos de HIV, Sífilis, Hepatite B e C, verificação de pressão arterial e glicemia capilar. Durante o mês de novembro serão enfatizadas consultas com endocrinologista aos pacientes portadores de diabetes que forem triados e classificados pelas equipes de saúde.


Pacientes cadastrados

Atualmente, cerca de 650 pacientes insulinodependentes estão cadastrados nas 39 unidades de saúde da família do município, sendo beneficiados com atenção integral por meio do recebimento de glicosímetro para monitoramento da glicemia capilar, e mensalmente recebem tira teste, lanceta e seringa de 01 ml de acordo com o grau de necessidade, avaliado pelo médico equipe de saúde. Uma média de 3.000 pacientes portadores da diabetes tipo II recebem acompanhamento e tratamento medicamentoso custeado pelo SUS.


“Fazemos trabalho de articulação na rede de atenção básica, em todas as unidades de saúde, com a finalidade de consciencializar as pessoas sobre a importância preventiva do diabetes, temos o compromisso de orientar a população o quanto é necessário saber os principais fatores de risco e cuidar efetivamente da saúde, afirma a secretária de saúde, Edna Alves.


Os meios adequados para evitar o diabetes por meio da adoção de alimentação saudável, pratica regular de atividades físicas e, claro, visitas regulares ao médico, são essenciais, reforça o diretor do programa, Marcio Luiz. .

Atentos à saúde

Aos 72 anos, o senhor Juvenal Ribas, é adepto da prevenção. "Pratiquei judô por 30 anos, além de esportes aquáticos, como mergulho. Sempre tive responsabilidade com minha saúde e nunca deixei de fazer exames com frequência associado uma alimentação balanceada, diz.

O administrador Enéias Queiroz, 70 anos, diz que cuidar de si mesmo é fundamental. "Ir ao médico independe de sintomas, quanto mais eu cuidar de mim, mais estarei prevenindo doenças, a exemplo do diabetes", avalia.

Secretaria de saúde

Ascom-Prefeitura de Porto Seguro

, ,