Onze bananas de explosivos são apreendidas em residência



Onze bananas de emulsão explosiva em gel, do tipo utilizado em explosões a caixas eletrônicos, foram apreendidas durante operação policial deflagrada nesta sexta-feira (17), na cidade de Itapetinga, no sudoeste da Bahia.


O material estava na residência de Judson Santos Oliveira, o “Leozinho da Película”, que havia sido preso mais cedo por uma guarnição da Polícia Militar, depois de uma tentativa frustrada de assaltar pedestres. Com ele, a polícia apreendeu um revólver Rossi, calibre ponto 357.



Suspeito havia sido preso por tentativa de assalto, momentos antes da incursão na casa dele (Foto: Divulgação/Polícia Civil)


Judson é suspeito de ter assassinado, em 6 de julho deste ano, Marcos Santos Bispo. Por esse motivo, a arma utilizada na tentativa de assalto será submetida a exame de microcomparação balística com o projétil extraído da vítima. O exame será feito pelo Departamento de Polícia Técnica (DPT).


Na residência do suspeito, que fica no dairro Quintas do Morumbi, a polícia ainda encontrou cinco quilos de maconha, quatro vasos com a planta, cocaína, uma balança de precisão, uma espingarda calibre 38, munições diversas e a quantia de R$ 1,1 mil.


Em nota, a polícia informou que irá investigar a origem dos explosivos e o motivo de Judson estar guardando os artefatos em casa. Autuado por tentativa de roubo e posse ilegal de explosivos e de arma de fogo, Judosn está custodiado na Coorpin/Itapetinga, à disposição da Justiça.




Além dos explosivos, polícia apreendeu armas, drogas e dinheiro na residência do suspeito (Foto: Divulgação/Polícia Civil)

POR G1

,