Homem que sequestrou e matou taxista é morto em contronto com a PM em Mucuri

A Polícia Civil de Camacan, acabou de confirmou á reportagem d”o O Tempo Jornalismo, que o homem que matou o taxista, Alex Cruz Ferreira, 38 anos, foi identificado como Álisson Vinhas, (Biri), 24 anos, foimorto em confronto com a polícia militar no município de Mucuri, Extremo Sul baiano. Ele já tinha algumas passagens pela polícia em Porto Seguro por tráfico de drogas.

A comparsa de Biri, identificada como Iná Rocha de Souza, que estava em sua companhia, cúmplice na morte do taxista, não resistiu á prisão, foi detida. Segundo informações policiais de Mucuri, a mulher está grávida.
Segundo in formações, o homem entrou em confronto com a PM, foi atingido e morreu no local.
O taxista tinha ponto fixo na avenida Dr. João Vargens, no centro de Camacan e foi levado para a morte em seu próprio veículo, modelo Prisma da Chevolet. O corpo do taxista, chegou Na tarde deste sábado 16/12, do Departamento de Polícia Técnica de Itabuna, (DPT), de Itabuna e foi levado diretamente para o cemitério Jardim da saudade, onde foi sepultado.
As imagens da câmera de segurança de uma loja ajudou a policia na identificação dos acusados, o casal aprece em uma loja minutos antes de contratar a corrida para Canavieiras onde cometeram o crime.

Com informações de otempojornalissimo

, ,