Veja Vídeo da Câmeras de Segurança, Ciganos são indiciados como mandantes do assassinato de empresário Moyses Volpini Filho



Próximo a completar 1 ano que o empresário Moyses Volpini Filho foi assassinado com dois tiros no Centro de Porto Seguro, a Polícia Civil indiciou, os ciganos Marcelo de Almeida Dantas e seu filho Giliard de Almeida Dantas, como mandantes do crime.

Moyses Volpini que era proprietário da lanchonete Giga Byte foi morto no dia 27 de janeiro de 2017, por volta das 23h40. De acordo com a ocorrência policial, a vítima estava saindo de sua empresa, juntamente com um enteado, quando foi surpreendido pelos atiradores ao chegar próximo ao seu carro. A vítima foi atingida pelas costas.

Diante das investigações realizadas descobriu-se que a motivação do crime foi um desentendimento causado pela cobrança de uma dívida, fruto de uma negociação comercial (venda de uma motocicleta), que na verdade, indica a investigação, nada mais foi do que um golpe típico de alguns grupos de ciganos que ganham a vida com agiotagem e fraudes embuçadas de transações comerciais.




 VIA41

, ,