Fábrica de calçados vai gerar 700 novos empregos diretos

Prefeitura de Porto Seguro consegue nova fábrica de calçados
A prefeita de Porto Seguro, Cláudia Oliveira, esteve reunida em seu gabinete na tarde desta sexta-feira (10/7), com o líder do governo, vereador Evaí Fonseca, o presidente da Câmara de Vereadores, Élio Brasil e os empresários Rafi Kahtalian e Claudinei Budtinger, para tratar da proposta de construção da nova fábrica de calçados da marca Superstar, no bairro Porto Alegre II, próximo ao Semi-anel Terra Máter, garantindo mais emprego e facilidade no escoamento da produção.
Mais empregos
Cumprindo com metas de governo de gerar emprego e renda, a prefeita enviará para a Câmara de Vereadores, Projeto de Lei para doação de uma área de 8.435m2 – como contrapartida dos investimentos da indústria de calçados e com isso, gerar cerca de 700 novos empregos diretos no município de Porto Seguro no prazo aproximado de 6 meses, utilizando exclusivamente a mão de obra local, entre costureiras, auxiliares de produção e outras funções que serão treinados pela fábrica em parceria com a Secretaria do Trabalho e Desenvolvimento Social.
Desenvolvimento
Para a prefeita de Porto Seguro, a construção da nova fábrica deve garantir mais desenvolvimento para os bairros Porto Alegre I e II, Vila Valdete, Vila Vitória e Vila Jardim, além de fomentar o segmento de indústrias para a cidade. “Nosso município tem por peculiaridade a economia baseada no turismo, por isso nossa proposta é de incentivar vias econômicas que não sejam sazonais, garantindo emprego e segurança social para muitas famílias”, disse Cláudia Oliveira, estimando que todo o mercado local se aqueça com a nova indústria.
O Grupo Superstar é uma empresa calçadista, com mais de 50 anos de atuação no mercado, com sede em Campo Bom, no estado do Rio Grande do Sul e já produz cerca de 50 mil pares de calçados por mês na fábrica Bannor, no bairro Paraguai, empregando mais de 200 pessoas. “Pela receptividade e incentivo da Prefeitura de Porto Seguro, nosso propósito é trazer toda a nossa produção para cá, desativando a nossa matriz no Sul do país, e com isso gerando mais de 2 mil empregos”, disse o diretor da empresa, Rafi Kahtalian.
ASCOM – Prefeitura de Porto Seguro
Fotos: Rogério Naba
DSC_0013 (Copy)