» » Jovem de 20 anos é morto por causa de som alto em Guaratinga; acusado é preso


Jair Pereira Gonçalves de 20 anos foi morto com golpes de faca. (Foto: Reprodução/Facebook)
Jair Pereira Gonçalves de 20 anos foi morto com golpes de faca. (Foto: Reprodução/Facebook)


A Polícia Militar de Guaratinga prendeu na manhã desta sexta-feira (25), Clebson Santos Fernandes de 21 anos, acusado de matar a golpes de faca um jovem de 20 anos, no povoado de São Joao do Sul, interior da cidade. O crime que ocorreu por volta das 23h horas desta quinta-feira (24), véspera de Natal, chocou a comunidade.

Conforme relatos de testemunhas, a vítima Jair Pereira Gonçalves, estava em uma festa comemorando o natal com os familiares e estava com o som de um veículo em volume alto, o que teria provocado a ira do acusado, que foi até a residência da vítima, e cometeu o assassinato. O jovem sofreu diversas perfurações pelo corpo e morreu no local
Acusado de cometer o crime foi preso em flagrante pela PM. (Foto: Bahia Dia a Dia)
Acusado de cometer o crime foi preso em flagrante pela PM. (Foto: Bahia Dia a Dia)


Conforme o Sgt. PM Euclides, o caso foi mais um crime motivado pelo uso exagerado do som “São inúmeras reclamações que temos diariamente pelo uso do som alto, que não traz benefício nenhum ao proprietário, somente discórdia com a comunidade. E esse foi mais um crime motivado pelo uso do som excessivamente alto ” disse Euclides, enfatizando que a PM, não admite poluição sonora em Guaratinga e nos distritos.

O corpo de Jair foi sepultado na tarde desta sexta-feira (25). O acusado do crime foi preso em flagrante por homicídio e está custodiado na cadeia de Guaratinga onde ficará à disposição da justiça.

Bahiadiaadia

«
Nex
Postagem mais recente
»
Previous
Postagem mais antiga

3 comentários:

  1. A atitude do assassino, claro q foi muito radical, afinal, nada justifica tirar a vida de outra pessoa; por outro lado, digo que algumas pessoas realmente abusam da paciência dos outros com esses equipamentos de som potentes e, quase sempre, no último volume. Somou-se aí a falta de respeito com a intolerância, aí a tendência é acabar mal mesmo. Meus pêsames à família do falecido.

    ResponderExcluir
  2. Bom ,como ja foi relatado pelo proprio site. Esta questão de som alto de fato as pessoas tem que se reeducarem pois é uma tremenda falta de respeito para com os outros estas pessoas que ficam se exibindo com som de carro. Lamento pelo fato do crime, mas não sei se este senhor ( vitima ) ja não tem historico de perturbação da paz com este som, ai chega uma hora que pode ocorrer o que lamentavelmente ocorreu.Que sirva de lição para aqueles que gostam de perturbar a comunidade com seus sons potentes achando que somente eles tem direito e o outro não.

    ResponderExcluir
  3. várias pessoas que abusam do som alto não querem saber se no local existem idosos doentes ou crianças recém-nascidas,não respeitam nem a polícia.

    ResponderExcluir

Comentários com palavras de baixo Calão ou que ofenda a moral de alguêm não serão liberados.