» » » » » » Messi é condenado á 21 meses de prisão por fraude Fiscal

Consultados pelo "Mundo Deportivo", diretores salientam que ele não estava ciente do que faziam com seu dinheiro. Justiça impôs pena de 21 meses de prisão


A direção do Barcelona classificou como "injusta" a pena de Messi a 21 meses de prisão, decisão tornada pública nesta quarta-feira. O jogador e seu pai foram condenados por fraude fiscal de € 4,1 milhões, crime cometido entre os anos de 2007 e 2009. O jogador delegava totalmente sua gestão financeira ao familiar e, por isso, dirigentes do Barça acreditam que ele não deveria ter sofrido qualquer punição, segundo informou o jornal "Mundo Deportivo". O pai Jorge Messi afirmou que seguia apenas as indicações dos seus assessores fiscais.

Apesar da sentença, os dois não devem precisar cumprir a pena já que nenhum deles tem antecedentes criminais e a condenação é inferior a dois anos. Eles ainda podem recorrer ao Supremo Tribunal da Espanha. A família de Messi já havia depositado € 5 milhões para o pagamento de impostos devidos. A advocacia do Estado, que representa a Agência Tributária e insistiu na acusação depois da desistência da "Fiscalía", havia pedido uma pena de 22 meses e 15 dias de prisão para cada um. A multa total que a família precisará pagar será de 3.689.941,48 euros, segundo a agência AFP.
Messi está em férias nas Bahamas com a sua família antes de retornar ao trabalho no Barcelona. O jogador disputou a Copa América Centenário com a Argentina no último mês. A equipe perdeu a final para o Chile nos pênaltis. Ao final do confronto, o atleta afirmou que iria deixar a seleção.
Lionel Messi Tribunal (Foto: Reuters)Messi em Tribunal na Espanha para audiência sobre fraude fiscal, no mês passado (Foto: Reuters)

Em comunicado oficial, o Barcelona manifestou-se em apoio à família Messi. Confira abaixo a íntegra:

O FC Barcelona expressa todo o seu apoio a Leo Messi e a seu pai, em relação com a condenação por fraude fiscal contra ambos em sentença da Audiência Provincial de Barcelona conhecida hoje.

O clube, de acordo com o critério expressado pelo Ministério Fiscal, considera que o jogador, que já regularizou sua situação diante da Agência Tributária espanhola, não tem nenhum tipo de responsabilidade penal em relação aos fatos deste procedimento.

O FC Barcelona continua à disposição de Leo Messi e de sua família para apoiá-lo em todas aquelas iniciativas que decida empreender em defesa de sua honra e seus legítimos interesses
”.

«
Nex
Postagem mais recente
»
Previous
Postagem mais antiga

Nenhum comentário:

Comentar Esta Notícia

Comentários com palavras de baixo Calão ou que ofenda a moral de alguêm não serão liberados.