ONG PAT ECOSMAR RECEBE A VISITA TÈCNICA DO COORDENADOR NACIONAL DO CENTRO TAMAR

João Carlos Thomé e a técnica do PAT Ecosmar durante o monitoramento das praias. 


O atual coordenador nacional do Centro Tamar/ICMBio, o oceanógrafo João Carlos Thomé, realizou nesse fim de semana uma visita técnica em Belmonte-BA.

A parceria entre o PAT Ecosmar e o Projeto TAMAR começou 18 anos atrás, quando em 1998 foi assinado o “Protocolo para a Proteção das Tartarugas Marinhas”.

O chefe do Centro TAMAR/ICMBio visitou a base do PAT ECOSMAR e participou do monitoramento de quadriciclo ao longo de 30km de praias, junto com a técnica da ONG, a veterinária Juliede Nonato Neves (foto 1).

As saídas do PAT ECOSMAR em Belmonte são diárias e tem como objetivo o monitoramento das ocorrências reprodutivas (ninhos) e não reprodutivas (encalhes) de tartarugas marinhas.
O coordenador nacional do Projeto TAMAR/ICMBio observa um rastro da tartaruga marinha enquanto dois cães passam por perto do ninho.


Durante a saída de campo foram registrados 06 ninhos de tartarugas marinhas, todos escavados pelas matrizes na noite anterior: ao longo desses anos o PAT ECOSMAR já registrou em Belmonte desovas de todas as cinco espécies de tartarugas marinhas que ocorrem no Brasil.

A maior ameaça aos ninhos dos quelônios marinhos em Belmonte é representada pela predação por cães (veja foto 2): por isso a ONG PAT ECOSMAR pede que os donos não deixem os animais soltos nas praias no período da temporada reprodutiva das tartarugas marinhas, que vai de setembro até abril.



Compartilhar no Google Plus

Redator Obaianao

0 comentários:

Postar um comentário

Comentários com palavras de baixo Calão ou que ofenda a moral de alguêm não serão liberados.