"Gringa mineira" do Carnaval perde voo para estudar e culpa e culpa prefeitura de Cabrália


Lailacriz Duarte, a "gringa mineira" que virou meme no Carnaval, está "mutcho" desesperada. A estudante de medicina, famosa por fingir ser estrangeira em uma entrevista em portunhol, precisa voltar ao Paraguai, onde faz faculdade.

"Pediram para eu ficar no Carnaval da Bahia, mas perdi meu voo do dia 17 e ficaram de me dar outro, mas não vão. Não tenho esse dinheiro. Já perdi um mês de aula, tudo que perdi quem vai pagar sou eu, tive que pedir emprestado porque nem minha família tem. Só queria que eles arcassem com minha passagem porque prometeram!", desabafa Laila ao UOL.

Procurado pela reportagem, o secretário de Turismo da Cabrália, Guto Jones, nega ter convidado a moça de 18 anos a esticar o Carnaval. Ele diz não ter como custear a passagem de retorno da "gringa mineira" e afirma que o contato com ela foi feito por meio do jornalista Guttermberg Stolze, do portal Imprensa na Net, que trabalhou no Carnaval de Cabrália divulgou a famosa entrevista em portunhol.

"Não nos responsabilizamos nem fizemos nenhum convite pela secretaria de Turismo ou pela Prefeitura. Conseguimos hospedagem e refeição na medida do possível, mas não conseguimos mudar a passagem sem custo. Não temos legalidade para tirar uma passagem para ela", explica.

Há uma contradição na participação da Prefeitura na permanência de Laila no Carnaval baiano, porque a estudante de medicina chegou a posar com o prefeito da cidade, Carlos Lero, que até comemorou a parceria. "Vai ser um sucesso, e com a nossa gringa mineira vai ser melhor ainda, Cabrália melhor para vocês", disse o prefeito em vídeo.

Guttemberg Stolze confirma ter intermediado a negociação de Laila com a Prefeitura, mas afirma que também não pode se responsabilizar pela viagem de volta e diz ter custeado parte da permanência dela: "A passagem de retorno de Por.A passagem de retorno de Porto Seguro, no último dia em que ela esteve aqui, foi paga do meu bolso porque não consegui contato com a Prefeitura".

Por UOL

Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial

Obrigado por acessar Obaianao. 73-98186-8534