Aves raras de rapina, gaviões-reais fazem ninho em reserva natural em Porto Seguro


Uma família de aves raras de rapina fez moradia em uma Reserva Particular de Patrimônio Natural (RPPN) em Porto Seguro, no sul da Bahia.


Os gaviões-reais da Mata Atlântica foram encontrados em um ninho construído em uma árvore chamada Ibiruçu, de cerca de 40 metros de altura.

"Esses animais é quem garantem que a floresta está cumprindo seu papel de conservação. Essa é a grande sacada de encontrar um animal deste porte, é que esse ambiente está conseguindo realmente manter animais de topo de cadeia, ou seja, a floresta está saudável", disse Virgínia Camargos, coordenadora RPPN.Os gaviões-reais, que vivem em média 50 anos, são as maiores aves de rapina já vistas no Brasil. Eles ficam no topo da cadeia alimentar e chegam a ter 2 metros de envergadura. A mãe costuma buscar os alimentos para os filhotes até os dois anos.

Os pesquisadores acreditam a família que está no parque está alimentando um filhote que tem entre quatro e cinco meses de vida.

"Eu estava fazendo atividade de campo na reserva e na volta eu parei para descansar. Eu escutei a vocalização do filhote, aí direcionei e cheguei embaixo do ninho", contou o monitor ambiental, Jailson Souza.

Por G1

Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial

Obrigado por acessar Obaianao. 73-98186-8534