> Edição do Festival Internacional de Cinema Indígena exibe 60 filmes; programação é online e gratuita | OBAIANAO

 


Edição do Festival Internacional de Cinema Indígena exibe 60 filmes; programação é online e gratuita


A 8ª edição do Festival Internacional de Cinema Indígena Cine Kurumin será realizada remotamente devido as medidas restritivas. Até o dia 30 de março, produções de cineastas indígenas estão sendo transmitidas pelas redes sociais e no site oficial do festival.

Ao todo, são 60 filmes selecionados pelo festival, que já estão disponíveis de forma online e gratuita. Debates acontecem nas páginas oficiais do Cine Kurumin, no Instagram e no Facebook.

Na sexta-feira (26), às 16h, acontece o debate 'Curadorias Indígenas – Olhares e mediações nos festivais de cinema indígena', com a participação de Amália Córdova (Chile), curadora digital e diretora do Festival de Língua Materna, em Nova York; Junia Torres, diretora do festival Forumdoc; Olinda Muniz, cineasta e ativista ambiental, coordena a Mostra Amorata; Renata Tupinambá, produtora e roteirista e Thaís Brito, diretora do Cine Kurumin. A mediação será feita pela artista e pesquisadora, Ana Carvalho.

Já no dia 30 de março, data do encerramento do festival, ocorre um encontro virtual com os realizadores indígenas, às 18h. Em seguida, às 19h, será realizada a premiação do festival, que tem como Júri: Edgar Kanaykõ Xakriabá, fotógrafo e mestre em antropologia; Patrícia Ferreira, professora e realizadora audiovisual indígena e Amália Córdova.

Este ano, além da Mostra Competitiva Oficial, produções que já fizeram parte da programação do festival, além de produções novas, fazem parte das Mostras Narrativas Indígenas contra o Fim do Mundo e Imaginários Futuros Indígenas.

O objetivo principal do Festival Cine Kurumin é potencializar as produções com temáticas originárias e é um dos poucos festivais no país que soma cada vez mais vozes e mãos originárias em seu processo construção.

Realizado desde 2011, o festival já aconteceu em diversas aldeias e em Salvador. Em 2020, por conta da pandemia, foi seu primeiro ano de forma virtual. Neste ano, quando completa uma década de festival, será realizado mais uma vez de forma online.


Por G1

Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial

Obrigado por acessar Obaianao. 73-98186-8534