Anuncio topo site

ultimas

6/recent/ticker-posts

;



Os últimos anos de Adriano Imperador no futebol brasileiro



Apontado por muitos como o novo Ronaldo, Adriano “Imperador” foi um jogador de futebol que teve muitos altos e baixos em sua carreira. Contudo, isso se deve ao fato da morte do seu pai, quando ele ainda jogava na Itália, mais especificamente na Inter de Milão.

No Flamengo, Adriano é considerado um dos grandes ídolos do clube, ficando na décima colocação em uma votação feita em 2020. Além disso, lá fora, na Europa, Adriano ganhou o apelido de “Imperador” depois de 5 anos jogando em alto nível no Parma e na Inter de Milão.

Entretanto, antes desses anos de ouro na Europa, o jogador viveu um período conturbado, onde passou por vários clubes, sendo emprestado algumas vezes.
O declínio após a morte do pai

Após receber a noticia do falecimento do seu pai, no ano de 2006, Adriano “Imperador” nunca mais foi o mesmo. Isso, pois começou a atuar muito mal, perdeu titularidade e acabou nem sendo inscrito em competições oficiais do clube italiano.

Dessa maneira, no início de 2008 foi emprestado mais uma vez, entretanto, não mais para um clube na Europa e sim no Brasil. Assim sendo, o “Imperador” desembarcou em Cotia, para atuar pelo São Paulo, onde teve uma ótima passagem, com 17 gols em 28 jogos pelo clube.

Vendo as boas atuações de Adriano no futebol brasileiro, a Inter de Milão chamou o jogador de volta, pensando que ele estava recuperado. Contudo, o retorno do atacante não foi nada perto do que apresentou no Brasil e decepcionou novamente.

Dessa forma, o jogador foi negociado novamente pelo clube, dessa vez no meio do ano de 2009 com o Flamengo. Assim, ele reestreia pelo seu clube no coração no dia 31 de maio daquele mesmo ano, marcando o gol da vitória contra o Athlético Paranaense.

Contudo, mesmo levando o Campeonato Brasileiro de 2009 e com boas atuações, Adriano começou a oscilar muito e se envolver em polêmicas. Assim sendo, encerrou sua segunda passagem pelo Flamengo praticamente um ano após ter assinado com o clube.
Os últimos suspiros de Adriano no futebol

Após sair do Flamengo pela porta dos fundos, desembarcou novamente na Itália, dessa vez para atuar pela Roma. Contudo, mais uma vez não rendeu e acabou voltando para o futebol brasileiro pela terceira vez, para jogar pelo Corinthians, que tentava repetir a fórmula usada com Ronaldo Fenômeno, anos antes.

No Timão ele teve seus últimos dias de glória, mesmo atuando pouco, o “Imperador” marcou um gol muito importante para o título Brasileiro de 2011. Porém, já em 2012, voltou a se envolver em polêmicas e alguns dias depois foi dispensado pelo clube. A sua segunda passagem por um clube paulista passou longe do esperado.

Além disso, ainda teve uma terceira passagem pelo Flamengo, contudo nem chegou a atuar pelo clube. Por fim, em 2014 chegou a assinar com o Athletico Paranaense, atuou em alguns jogos, mas teve seu contrato rescindido novamente. Hoje Adriano não joga mais futebol.